Força na Peruca, projeto da Fundação Laço Rosa, percorre cinco cidades brasileiras em um caminhão escola


Programa de empreendedorismo inédito no Brasil vai capacitar moradores de áreas de risco social na profissão de peruqueiros iniciando por Curitiba, seguida por Goiânia, Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo

Criado pela Fundação Laço Rosa para resgatar a autoestima de mulheres em tratamento de quimioterapia, o programa Força na Peruca, para formação de peruqueiros, este ano expande seu alcance cruzando regiões. Com o apoio da campanha #fortalizese, Governo australiano e Truckvan, empresa especializada na fabricação de soluções sobre rodas, o caminhão escola percorrerá cinco cidades brasileiras — Curitiba, Goiânia, Salvador, São Paulo e Rio de Janeiro foram escolhidas para receber a unidade móvel, sendo Curitiba a eleita para abrir as portas para esse projeto itinerante. Além de possibilitar a entrega de perucas a mais pacientes, o programa vai capacitar 100 novos profissionais pelo Brasil para a confecção do acessório.
Na capital paranaense, o caminhão escola desembarcará no ParkShoppingBarigüi, onde serão oferecidas as aulas práticas do projeto no período de 14 de julho e 04 de agosto. O local também contará com um posto de coleta de cabelos e doação de perucas para pacientes do Instituto Humsol.  
“O Força na Peruca itinerante é um programa nacional inédito, pensado para beneficiar toda cadeia. Pacientes ao receberem um novo acessório; alunos ao aprenderem uma nova profissão e vivenciarem a solidariedade na prática; ongs ao formarem uma rede de peruqueiros solidários; doadores ao entenderem que a doação de cabelo vai além do corte e sociedade civil ao se emocionar com todo processo. ”, comemora a presidente voluntária da Laço Rosa, Marcelle Medeiros. A ação foi possível graças ao apoio da campanha #fortalizese, idealizada por Exímia, unidade de negócios da FQM Farmoquímica, realizada em parceria com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).
Durante os 25 dias em que o projeto estará na cidade, de segunda a segunda, os alunos participarão de aulas práticas, nas quais terão a oportunidade de aprender todo o processo produtivo das perucas. Em seguida, eles poderão fixar o conteúdo teórico à distância e obter informações pertinentes à geração de renda, por meio de uma plataforma on-line que possibilitará contato com disciplinas relacionadas a finanças pessoais, marketing e empreendedorismo.
“Ao final do curso, os participantes, estimulados por metodologias de Design Thinking e Canva, também estarão capacitados para se tornarem empreendedores, donos de seu próprio negócio localmente e aptos a ajudarem as ONGs locais na produção de perucas. A formatura das turmas é um momento muito emocionante porque a prova final é a entrega de uma peruca personalizada a um paciente e também um momento de muita alegria por todas as barreiras enfrentadas pelos alunos para conseguirem o certificado.”, diz Marcelle.
“Este projeto fará com que as pessoas se sintam ilimitadas, pois oferecerá tudo que elas precisam para desenvolver suas habilidades: autoestima, empreendedorismo e capacitação profissional”, destaca Alcides Braga, sócio-diretor da Truckvan, empresa que produziu a unidade móvel.
Parcerias locais associadas à campanha #fortalizese também permitirão oferecer cortes de cabelo gratuitos. “O objetivo é atrair uma rede solidária de doadores, proporcionando a participação de toda a população”, diz Vitor Cunha, gerente de produtos da linha Exímia, destacando que, no ano passado, o programa recebeu a adesão de mais de 13 mil doadores em sua plataforma on-line, transformando a vida de 20 alunos, e consequentemente suas famílias, das primeiras do Força na Peruca no Rio de Janeiro e ampliando em 30% a fabricação das perucas.
Em seguida, o caminhão escola faz uma rápida parada no Distrito Federal, sede da Embaixada Australiana e depois segue para Goiânia (GO), Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP). Em cada cidade, o projeto terá um parceiro de perucas local para certificar os alunos e elegerá uma ONG para receber a doação das perucas.

SERVIÇO

Curitiba
Data: 14.07 a 04.08
Ong amiga: Instituto Humsol (Rua Marechal Deodoro, 252, 7º andar, Edifício Nosso Banco.
Tel (41) 4106 7072
Local: ParkShoppingBarigüi (Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 600, Mossunguê)

Goiânia
Data: 07.08 a 02.09
Ong Amiga: a definir
Local: a definir

Salvador
Data: 05.09 a 30.09
Ong Amiga: Naspec
Local: Salvador Shopping (Avenida Tancredo Neves, 3133, Caminho das Árvores)

Rio de Janeiro
Data: 03.10 – Cristo Redentor - Paineiras
04.10 a 27.10 – Barra Shopping (Av. das Américas, 4666 - Barra da Tijuca)
Niterói -  28.10 a 20.11 – local (a definir)

São Paulo
Data: 22.11 a 17.12 – shopping (a definir)
18.12 a 29.12 – hospitais (a definir)
02.01 a 07.01 – litoral (a definir)
Ong Amiga: (a definir)
Local: shopping (a definir)

Sobre a Fundação Laço Rosa
Desde 2011, a Fundação Laço Rosa — que nasceu a partir da emocionante história de vida de três irmãs — já pôde contabilizar inúmeras conquistas de suas campanhas de conscientização sobre a detecção precoce de câncer de mama e o resgate da autoestima. Além do Banco de Perucas Online — um projeto de doação gratuita de perucas pela internet para pacientes em quimioterapia, que já atendeu famílias de todo o País — a Fundação Laço Rosa também está à frente de iniciativas como a Rosas do Morro, que leva a comunidades carentes informações sobre a doença e os direitos da mulher, e o Fórum de Política Públicas Câncer de Mama, desenvolvido pelo núcleo Advocacy da Laço Rosa.

Sobre a campanha #fortalizese
A campanha #fortalizese foi lançada em 2016, pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) em parceria com Exímia — unidade de negócios do laboratório FQM Farmoquímica —, e mobilizou o país por uma causa nobre: estimular a doação de cabelos para mulheres em tratamento do câncer, contribuindo para elevar sua autoestima e, ainda, conscientizar toda a sociedade. As doações, eram feitas a partir de uma plataforma online que gerava um código em que o doador rastreava seus cabelos até chegarem à Fundação Laço Rosa. No primeiro ano da campanha, foram mais de 13 mil doações, que beneficiaram milhares de mulheres em tratamento do câncer em todo o Brasil através do trabalho da Fundação Laço Rosa, pioneira neste tipo de iniciativa solidária. Em 2017, foi anunciado o segundo ano de #fortalizese.

Sobre a Truckvan
Fundada em 1992, a Truckvan é a líder brasileira no mercado de soluções sobre rodas, tendo produzido, aproximadamente, 45 mil baús de alumínio e entregado cerca de 650 unidades móveis para as áreas de saúde, capacitação e treinamento profissional, eventos, serviços e defesa e segurança, além de ter desenvolvido mais de 80 food trucks. Além disso, a empresa é a distribuidora plena da Randon Implementos na região metropolitana de São Paulo e atualmente possui mais de 300 funcionários e três fábricas, sendo duas na capital paulista e uma em Guarulhos (SP). 

Sobre o Governo Australiano
O Programa de Ajuda Direta (DAP) é um programa flexível de pequenos financiamentos oferecido pelo Governo da Austrália e gerenciado por 66 postos australianos no exterior. O programa foca em auxiliar projetos de desenvolvimento, de pequeno a médio porte e atividades que envolvam os beneficiários diretamente na identificação, estruturação e gerenciamento dos projetos. No Brasil, o DAP é administrado pela Embaixada da Austrália em Brasília. O DAP abre inscrições todos os anos, entre os meses de junho e agosto. No último ciclo, encerrado em junho passado, 15 projetos em diversas cidades brasileiras foram beneficiados, entre eles o Força na Peruca da Fundação Laço Rosa.

Claudia Rocha - Approach Comunicação

0 comentários :

Postar um comentário